Timber by EMSIEN 3 Ltd BG
Por Ana Siqueira

Casamento clássico: Ana Paula & Diego

Cerimônia Igreja Bom Jesus do Cabral Recepção Buffet Nuvem de Coco

A escolha dos noivos foi um casamento clássico que encantou pela décor elegante, na qual o vermelho bordô se misturava a arranjos brancos, paredes de folhagens, espelhos e lustres.

Embalados pelo som de “It’s you, it’s me” e sem nem imaginar que estavam prestes a se apaixonar, Ana Paula Barbieri, 31, e Diego Arthur Vendruscolo, 34, viram seus destinos se cruzarem em uma típica quinta-feira de festa em Curitiba. Quatro dias mais tarde, os dois sairiam para jantar e começariam a escrever uma linda história de amor – e muitas viagens.

Antes de conhecê-la, Diego já tinha planos profissionais bem delineados. Assim que terminasse sua especialização em cirurgia de coluna, iria para Brasília exercer a medicina. A decisão exigiu muito esforço do casal, que em pouco tempo passou a viver a mais de mil quilômetros um do outro. Um desafio doído, mas fortalecedor.

Após seis anos juntos, o médico decidiu pedir Ana Paula em casamento nada menos do que três vezes. A primeira aconteceu em um de seus locais preferidos da capital – o lago Paranoá, com vista para a ponte Juscelino Kubitschek. Diego repetiu o gesto durante uma viagem do casal a Nova York e, para fechar o ciclo, oficializou o pedido em sua festa de noivado, na presença das duas famílias.

HIGHLIGHTS

  • Décor atemporal: no grande dia, o casal optou por uma decoração clássica que abusava do verde e branco. Na cerimônia, um corredor repleto de bocas-de-leão acompanhou a entrada de Ana Paula como noiva e sua saída já casada com Diego. Para a recepção, o projeto de Luciana Krizanowskiganhou forma nas mãos do genial Valmir Rossari, que aproveitou o pé direito alto para adicionar tons vibrantes de bordô à paleta tradicional
  • Refletindo o amor! Para dar o tom final da composição, móveis claros e algumas mesas espelhadas da Dettagli conferiram a elegância tão sonhada pelos noivos, permitindo que o cenário fugisse do óbvio. Tudo em perfeita harmonia com os lustres de cristal que surpreendiam os convidados em todas as partes do salão
  • Sob medida: no início, Ana Paula estava em dúvida sobre que modelo usar no dia de seu casamento. Contratou uma consultora em Miami para ajuda-la na tarefa e o resultado não poderia ter sido melhor. Encontrou um vestido que chamava atenção ao mesclar um corpete tomara que caia de renda com uma saia em camadas. A grinalda era assinada pela Rroyal Bride
 

DESTAQUES

♥ Fofura sem fim! Em uma homenagem de fazer encher os olhos d’água, Ana Paula e Diego convidaram suas avós – Eloá e Pupi – para fazerem as vezes de damas de honra. Radiantes de alegria, elas levaram ao altar as alianças e uma linda imagem de Nossa Senhora personalizada pela cunhada do noivo

♥ Felicidade eternizada: logo após a cerimônia, o casal se dirigiu aos arredores do Museu do Olho para eternizar o momento pelas lentes de Carol Mattos. A diversão estava estampada não só nos olhos dos recém-casados, mas também nos pedestres que passavam pelo local e se surpreendiam com a cena de pura alegria

♥ Som na caixa! Um dos momentos mais especiais de um casamento é a primeira dança dos noivos. No caso desse casal, “Sugar” – do Maroon 5 – marcou a entrada do casal no salão, seguida da valsa “Danúbio Azul”. Comandada pelo DJ Roberto Rego, a pista de dança ficou lotada até de manhã

      

♥ DICA DA NOIVA

“Muitas vezes ouvimos comentários de que é desperdício gastar tempo, energia e dinheiro com a festa de casamento, mas não há dinheiro que pague todas as emoções vividas durante esse dia, em que cercados de familiares e amigos podemos celebrar o amor. Esses momentos são eternos e fazem tudo valer a pena” ♥